Pristina.org - Everything Design since 2005

As Expressivas Ilustrações de Jun Cen IlustraçãoFelipe Tofani on 19/10/2017

Toda a beleza minimalista das ilustrações de Jun Cen
As ilustrações de Jun Cen tem um visual minimalista, como se ele não quisesse complicar demais a estética de seu trabalho. Acredito que ele possa estar criando uma forma de se expressar com alguns limites, como se a arte que ele criasse seguisse as mesmas regras do design. E o ilustrador faz isso utilizando de uma paleta de cores reduzida e de perspectivas peculiares. Algumas vezes ele também inclui alguns espaços muito bem arquitetados e uma série de pessoas com fantasias, como se esses elementos fossem cooperar na construção das histórias que suas imagens contam.

As ilustrações de Jun Cen tem um visual minimalista, como se ele não quisesse complicar demais a estética de seu trabalho. Acredito que ele possa estar criando uma forma de se expressar com alguns limites, como se a arte que ele criasse seguisse as mesmas regras do design. E o ilustrador faz isso utilizando de uma paleta de cores reduzida e de perspectivas peculiares. Algumas vezes ele também inclui alguns espaços muito bem arquitetados e uma série de pessoas com fantasias, como se esses elementos fossem cooperar na construção das histórias que suas imagens contam.

Com o passar dos anos, seu trabalho de ilustração anda evoluindo e seu nível de detalhamento anda cada vez melhor. Como muito do que Jun Cen faz é voltado para conteúdo editorial, ele diz que tenta sempre trabalhar pensando em uma conexão entre sua vida e o artigo que ele vai ilustrar. Sua busca aqui é voltada para a forma com a qual ele poderia mostrar sua voz e como mostrar seu ponto de vista único nesse momento.

Por culpa dessa busca conceitual antes de começar a ilustrar, seu trabalho é visualmente rico e comunicam muito bem os temas que ele resolve expressar. Mesmo quando ele utiliza das limitações que mencionei acima, com cores, perspectivas e atmosferas.

As ilustrações de Jun Cen tem um visual minimalista, como se ele não quisesse complicar demais a estética de seu trabalho. Acredito que ele possa estar criando uma forma de se expressar com alguns limites, como se a arte que ele criasse seguisse as mesmas regras do design. E o ilustrador faz isso utilizando de uma paleta de cores reduzida e de perspectivas peculiares. Algumas vezes ele também inclui alguns espaços muito bem arquitetados e uma série de pessoas com fantasias, como se esses elementos fossem cooperar na construção das histórias que suas imagens contam.

As ilustrações de Jun Cen tem um visual minimalista, como se ele não quisesse complicar demais a estética de seu trabalho. Acredito que ele possa estar criando uma forma de se expressar com alguns limites, como se a arte que ele criasse seguisse as mesmas regras do design. E o ilustrador faz isso utilizando de uma paleta de cores reduzida e de perspectivas peculiares. Algumas vezes ele também inclui alguns espaços muito bem arquitetados e uma série de pessoas com fantasias, como se esses elementos fossem cooperar na construção das histórias que suas imagens contam.

As ilustrações de Jun Cen tem um visual minimalista, como se ele não quisesse complicar demais a estética de seu trabalho. Acredito que ele possa estar criando uma forma de se expressar com alguns limites, como se a arte que ele criasse seguisse as mesmas regras do design. E o ilustrador faz isso utilizando de uma paleta de cores reduzida e de perspectivas peculiares. Algumas vezes ele também inclui alguns espaços muito bem arquitetados e uma série de pessoas com fantasias, como se esses elementos fossem cooperar na construção das histórias que suas imagens contam.

As ilustrações de Jun Cen tem um visual minimalista, como se ele não quisesse complicar demais a estética de seu trabalho. Acredito que ele possa estar criando uma forma de se expressar com alguns limites, como se a arte que ele criasse seguisse as mesmas regras do design. E o ilustrador faz isso utilizando de uma paleta de cores reduzida e de perspectivas peculiares. Algumas vezes ele também inclui alguns espaços muito bem arquitetados e uma série de pessoas com fantasias, como se esses elementos fossem cooperar na construção das histórias que suas imagens contam.

As ilustrações de Jun Cen tem um visual minimalista, como se ele não quisesse complicar demais a estética de seu trabalho. Acredito que ele possa estar criando uma forma de se expressar com alguns limites, como se a arte que ele criasse seguisse as mesmas regras do design. E o ilustrador faz isso utilizando de uma paleta de cores reduzida e de perspectivas peculiares. Algumas vezes ele também inclui alguns espaços muito bem arquitetados e uma série de pessoas com fantasias, como se esses elementos fossem cooperar na construção das histórias que suas imagens contam.

As ilustrações de Jun Cen tem um visual minimalista, como se ele não quisesse complicar demais a estética de seu trabalho. Acredito que ele possa estar criando uma forma de se expressar com alguns limites, como se a arte que ele criasse seguisse as mesmas regras do design. E o ilustrador faz isso utilizando de uma paleta de cores reduzida e de perspectivas peculiares. Algumas vezes ele também inclui alguns espaços muito bem arquitetados e uma série de pessoas com fantasias, como se esses elementos fossem cooperar na construção das histórias que suas imagens contam.

As ilustrações de Jun Cen tem um visual minimalista, como se ele não quisesse complicar demais a estética de seu trabalho. Acredito que ele possa estar criando uma forma de se expressar com alguns limites, como se a arte que ele criasse seguisse as mesmas regras do design. E o ilustrador faz isso utilizando de uma paleta de cores reduzida e de perspectivas peculiares. Algumas vezes ele também inclui alguns espaços muito bem arquitetados e uma série de pessoas com fantasias, como se esses elementos fossem cooperar na construção das histórias que suas imagens contam.

As ilustrações de Jun Cen tem um visual minimalista, como se ele não quisesse complicar demais a estética de seu trabalho. Acredito que ele possa estar criando uma forma de se expressar com alguns limites, como se a arte que ele criasse seguisse as mesmas regras do design. E o ilustrador faz isso utilizando de uma paleta de cores reduzida e de perspectivas peculiares. Algumas vezes ele também inclui alguns espaços muito bem arquitetados e uma série de pessoas com fantasias, como se esses elementos fossem cooperar na construção das histórias que suas imagens contam.

As ilustrações de Jun Cen tem um visual minimalista, como se ele não quisesse complicar demais a estética de seu trabalho. Acredito que ele possa estar criando uma forma de se expressar com alguns limites, como se a arte que ele criasse seguisse as mesmas regras do design. E o ilustrador faz isso utilizando de uma paleta de cores reduzida e de perspectivas peculiares. Algumas vezes ele também inclui alguns espaços muito bem arquitetados e uma série de pessoas com fantasias, como se esses elementos fossem cooperar na construção das histórias que suas imagens contam.

As ilustrações de Jun Cen tem um visual minimalista, como se ele não quisesse complicar demais a estética de seu trabalho. Acredito que ele possa estar criando uma forma de se expressar com alguns limites, como se a arte que ele criasse seguisse as mesmas regras do design. E o ilustrador faz isso utilizando de uma paleta de cores reduzida e de perspectivas peculiares. Algumas vezes ele também inclui alguns espaços muito bem arquitetados e uma série de pessoas com fantasias, como se esses elementos fossem cooperar na construção das histórias que suas imagens contam.

As ilustrações de Jun Cen tem um visual minimalista, como se ele não quisesse complicar demais a estética de seu trabalho. Acredito que ele possa estar criando uma forma de se expressar com alguns limites, como se a arte que ele criasse seguisse as mesmas regras do design. E o ilustrador faz isso utilizando de uma paleta de cores reduzida e de perspectivas peculiares. Algumas vezes ele também inclui alguns espaços muito bem arquitetados e uma série de pessoas com fantasias, como se esses elementos fossem cooperar na construção das histórias que suas imagens contam.

Jun Cen nasceu em Guangzhou, na China. Uma cidade subtropical e com um clima bem quente e úmido. De lá, ele foi estudar no Instituto de Artes da Universidade de Maryland em 2013. O trabalho de Jun Cen foi feito para clientes variados como The New York Times, The Washington Post, The Boston Globe, The Verge, Grantland, Oxford University Press, PLANSPONSOR, PLANADVISER, Chevron, ING, entre outros. Para saber ainda mais sobre seu trabalho, você precisa dar uma olhada no seu portfólio, logo abaixo. Além disso, você ainda pode acompanhar o que ele anda publicando nas suas redes sociais, como twitter, tumblr e facebook.

As Expressivas Ilustrações de Jun Cen

Se você gostou do que viu aqui, você deveria seguir o blog no twitter, acompanhar nosso tumblr ou seguir a revista digital do Pristina.org no Flipboard. Além disso, ainda temos nossa newsletter quase semanal.

Tagged: , , , , , , ,