Pristina.org - Everything Design since 2005

Swimming Pool de Maria Svarbova FotografiaFelipe Tofani on 15/04/2018

Fotografando Piscinas com uma estética que me lembra os filmes de Wes Anderson
Swimming Pool é a maior série de fotografias de Maria Svarbova. Tudo começou em 2014 e, até hoje, anda crescendo. E, pelo que eu entendi, tudo começou de forma quase acidental, como a busca de uma locação interessante para uma outra série de fotos.

Swimming Pool é a maior série de fotografias de Maria Svarbova. Tudo começou em 2014 e, até hoje, anda crescendo. E, pelo que eu entendi, tudo começou de forma quase acidental, como a busca de uma locação interessante para uma outra série de fotos.

Foi assim que começou uma certa fascinação da fotógrafa por esse tipo de espaço público. Tanto que ela acredita que essas piscinas que ela tanto fotografou, acabaram influenciando seu trabalho de alguma forma.

É a beleza geométrica dessas antigas piscinas que acabam ditando a estética do que você pode ver nessa série de Maria Svarbova. Muitos dos cenários que ela utiliza são de uma época que não existe mais na Eslováquia e, podem até dar uma certo charme socialista ao material que selecionei para esse artigo aqui.

Swimming Pool é a maior série de fotografias de Maria Svarbova. Tudo começou em 2014 e, até hoje, anda crescendo. E, pelo que eu entendi, tudo começou de forma quase acidental, como a busca de uma locação interessante para uma outra série de fotos.

Swimming Pool é a maior série de fotografias de Maria Svarbova. Tudo começou em 2014 e, até hoje, anda crescendo. E, pelo que eu entendi, tudo começou de forma quase acidental, como a busca de uma locação interessante para uma outra série de fotos.

Swimming Pool é a maior série de fotografias de Maria Svarbova. Tudo começou em 2014 e, até hoje, anda crescendo. E, pelo que eu entendi, tudo começou de forma quase acidental, como a busca de uma locação interessante para uma outra série de fotos.

Os modelos que aparecem nas fotografias de Maria Svarbova parecem ser capturados no meio de um movimento. Dessa forma, as fotos tem uma qualidade quase cinematográfica. Tudo isso porque elas parecem estar congeladas em uma composição e, devido as cores utilizadas, tudo fica com um visual de filme vintage que muita gente vai acabar comparando com Wes Anderson.

Foram essas cores que me chamaram a atenção para as fotografias de Maria Svarbova. A leveza das cores aqui dão uma atmosfera quase onírica para o que eu enxerguei no portfólio dessa fotógrafa. Além disso, alguns elementos parecem remeter a um futurismo que, pelo menos para mim, acaba sendo característico devido ao cenário quase alienígena onde as fotos foram feitas.

É interessante observar como as fotografias aqui não parecem emitir nenhum tipo de emoção. Elas vem com uma frieza planejada e como uma completa falta de individualidade. Uma estética interessante de ser observada e que só existe devido a combinação de visuais criada por Maria Svarbova.

Swimming Pool é a maior série de fotografias de Maria Svarbova. Tudo começou em 2014 e, até hoje, anda crescendo. E, pelo que eu entendi, tudo começou de forma quase acidental, como a busca de uma locação interessante para uma outra série de fotos.

Swimming Pool é a maior série de fotografias de Maria Svarbova. Tudo começou em 2014 e, até hoje, anda crescendo. E, pelo que eu entendi, tudo começou de forma quase acidental, como a busca de uma locação interessante para uma outra série de fotos.

Swimming Pool é a maior série de fotografias de Maria Svarbova. Tudo começou em 2014 e, até hoje, anda crescendo. E, pelo que eu entendi, tudo começou de forma quase acidental, como a busca de uma locação interessante para uma outra série de fotos.

Swimming Pool é a maior série de fotografias de Maria Svarbova. Tudo começou em 2014 e, até hoje, anda crescendo. E, pelo que eu entendi, tudo começou de forma quase acidental, como a busca de uma locação interessante para uma outra série de fotos.

Swimming Pool é a maior série de fotografias de Maria Svarbova. Tudo começou em 2014 e, até hoje, anda crescendo. E, pelo que eu entendi, tudo começou de forma quase acidental, como a busca de uma locação interessante para uma outra série de fotos.

Swimming Pool é a maior série de fotografias de Maria Svarbova. Tudo começou em 2014 e, até hoje, anda crescendo. E, pelo que eu entendi, tudo começou de forma quase acidental, como a busca de uma locação interessante para uma outra série de fotos.

In the Swimming Pool is Maria’s largest series yet, originating in 2014 and continuing to develop to date. Sparked by a hunt for interesting location, her fascination with the space of public swimming pools contributed to developing her visual style. Sterile, geometric beauty of old pools set the tone for these photographs. Each of them pictures a different pool, usually built in the Socialist Era, in various locations in Slovakia. There is almost cinematographic quality to the highly controlled sceneries that Maria captures. The figures are mid-movement, but there is no joyful playfulness to them. Frozen in the composition, the swimmers are as smooth and cold as the pools tiles. The colours softly vibrate in a dream-like atmosphere. Despite the retro setting, the pictures somehow evoke a futuristic feeling as well, as if they were taken somewhere completely alien. There is no disturbing emotion, there is no individuality in their stillness. The artificial detachment, created by Maria’s visual vision, allows unique visual pleasure, unattainable in real life.

Swimming Pool é a maior série de fotografias de Maria Svarbova. Tudo começou em 2014 e, até hoje, anda crescendo. E, pelo que eu entendi, tudo começou de forma quase acidental, como a busca de uma locação interessante para uma outra série de fotos.

Swimming Pool é a maior série de fotografias de Maria Svarbova. Tudo começou em 2014 e, até hoje, anda crescendo. E, pelo que eu entendi, tudo começou de forma quase acidental, como a busca de uma locação interessante para uma outra série de fotos.

Swimming Pool é a maior série de fotografias de Maria Svarbova. Tudo começou em 2014 e, até hoje, anda crescendo. E, pelo que eu entendi, tudo começou de forma quase acidental, como a busca de uma locação interessante para uma outra série de fotos.

Para ver mais imagens desse projeto, você só precisa clicar direto no link abaixo. Além disso, você pode visitar o portfólio de Maria Svarbova aqui. E, você ainda pode adquirir um livro com todas as fotografias de piscinas que a fotógrafa já fez!

Fotografando Piscinas com Maria Svarbova

Se você gostou do que viu aqui, você deveria seguir o blog no twitter, acompanhar nosso tumblr ou seguir a revista digital do Pristina.org no Flipboard. Além disso, ainda temos nossa newsletter quase semanal.

Tagged: , , , , , , , , , , , , ,