Pristina.org - Everything Design since 2005

Plate Recorder de Liat Segal e Roy Maayan ArteFelipe Tofani on 05/07/2018

Cerâmicas pintadas através da captura de sons
Plate Recorder é uma homenagem digital a uma era analógica que não existe mais. Um tributo que conecta som, imagem e matéria para criar algo físico de um jeito especial. Tudo isso feito utilizando de pratos de cerâmicas que servem como o local perfeito para onde sons serão pintados seguindo as formas de ondas sonoras.

Plate Recorder é uma homenagem digital a uma era analógica que não existe mais. Um tributo que conecta som, imagem e matéria para criar algo físico de um jeito especial. Tudo isso feito utilizando de pratos de cerâmicas que servem como o local perfeito para onde sons serão pintados seguindo as formas de ondas sonoras.

Vivemos em uma época de excesso de informação, onde somos constantemente bombardeados com imagens, áudio e texto em todos os locais que estamos. Redes sociais capturam nossos momentos de lazer e fazem muitos questionarem a sua própria habilidade de focar e usar sua atenção da mesma forma que outrora. Foi pensando em tudo isso que vivemos hoje em dia que Liat Segal e Roy Maayan criaram o Plate Recorder.

Plate Recorder é uma homenagem digital a uma era analógica que não existe mais. Um tributo que conecta som, imagem e matéria para criar algo físico de um jeito especial. Tudo isso feito utilizando de pratos de cerâmicas que servem como o local perfeito para onde sons serão pintados seguindo as formas de ondas sonoras.

Plate Recorder é uma homenagem digital a uma era analógica que não existe mais. Um tributo que conecta som, imagem e matéria para criar algo físico de um jeito especial. Tudo isso feito utilizando de pratos de cerâmicas que servem como o local perfeito para onde sons serão pintados seguindo as formas de ondas sonoras.

Os sons que foram utilizados por Liat Segal e Roy Maayan no Plate Recorder foram doados por pessoas diferentes e todos eles foram coletados, arquivados e categorizados pelos artistas, junto com suas histórias. Assim, um arquivo físico de som se junto com a história por trás dele e tudo fica ainda mais interessante.

Fiquei bem surpreso quando me deparei com o trabalho de Liat Segal e Roy Maayan. Inicialmente, pensei que o Plate Recorder capturava o som que estava sendo tocado e que esse som poderia ser reproduzido novamente. Claro que eu não havia entendido o projeto direito mas tudo fez mais sentido quando assisti alguns dos vídeos que você pode ver no link abaixo.

Plate Recorder é uma homenagem digital a uma era analógica que não existe mais. Um tributo que conecta som, imagem e matéria para criar algo físico de um jeito especial. Tudo isso feito utilizando de pratos de cerâmicas que servem como o local perfeito para onde sons serão pintados seguindo as formas de ondas sonoras.

Plate Recorder é uma homenagem digital a uma era analógica que não existe mais. Um tributo que conecta som, imagem e matéria para criar algo físico de um jeito especial. Tudo isso feito utilizando de pratos de cerâmicas que servem como o local perfeito para onde sons serão pintados seguindo as formas de ondas sonoras.

Plate Recorder é uma homenagem digital a uma era analógica que não existe mais. Um tributo que conecta som, imagem e matéria para criar algo físico de um jeito especial. Tudo isso feito utilizando de pratos de cerâmicas que servem como o local perfeito para onde sons serão pintados seguindo as formas de ondas sonoras.

Plate Recorder é uma homenagem digital a uma era analógica que não existe mais. Um tributo que conecta som, imagem e matéria para criar algo físico de um jeito especial. Tudo isso feito utilizando de pratos de cerâmicas que servem como o local perfeito para onde sons serão pintados seguindo as formas de ondas sonoras.

Plate Recorder é uma homenagem digital a uma era analógica que não existe mais. Um tributo que conecta som, imagem e matéria para criar algo físico de um jeito especial. Tudo isso feito utilizando de pratos de cerâmicas que servem como o local perfeito para onde sons serão pintados seguindo as formas de ondas sonoras.

Pessoalmente, achei muito interessante todo o conceito por trás do Plate Recorder e gostei ainda mais da estética simples que surge com a captura dos sons. As curvas que se sobrepõe ao serem criadas por ondas sonoras tem uma estética mais sofisticada do que eu esperava para um processo tão simples e interessante.

Plate Recorder de Liat Segal e Roy Maayan

Se você gostou do que viu aqui, você deveria seguir o blog no twitter, acompanhar nosso tumblr ou seguir a revista digital do Pristina.org no Flipboard. Além disso, ainda temos nossa newsletter quase semanal.

Tagged: , , , , , , , , ,