Pristina.org - Everything Design since 2005

Os Comentários Irônicos da Arte de Hans Ticha ArteFelipe Tofani on 17/12/2019

Retratando o cotidiano na Alemanha no olhar de Hans Ticha
Hans Ticha é um dos mais importantes artistas contemporâneos da Alemanha e ele anda descrevendo o cotidiano e a história do país através do seu trabalho pelos últimos 50 anos. O ser humano é a figura central no trabalho desse artista e quase sempre aparece com suas mãos em um tamanho desproporcional e com pequenas cabeças sem face.

Hans Ticha é um dos mais importantes artistas contemporâneos da Alemanha e ele anda descrevendo o cotidiano e a história do país através do seu trabalho pelos últimos 50 anos. O ser humano é a figura central no trabalho desse artista e quase sempre aparece com suas mãos em um tamanho desproporcional e com pequenas cabeças sem face.

O lado irônico do trabalho artístico de Hans Ticha vem da forma com a qual ele retratou a o regime político da Alemanha Oriental. Durante os anos da Guerra Fria, o artista morou entre Leipzig e Berlim e conheceu de perto a realidade da Alemanha comunista. Com suas pinturas, ele apresenta uma narrativa de vida em um país dividido em diferentes ideologias. A arte de Hans Ticha pode ser dividida em três vertentes: pintura, design gráfico e ilustração que foi parar em mais de sessenta livros durante os anos. A crítica social do artista aparece em todas essas vertentes de trabalho como você pode ver nas imagens que eu selecionei para esse artigo aqui.

O que me chamou a atenção no trabalho de Hans Ticha foi a forma com a qual ele usa da simbologia da Alemanha comunista para criticar esse país que não existe mais. Ao mesmo tempo, ele volta sua arte para declarar sua opinião sobre o mundo ocidental e sua organização política. Suas pinturas vem com uma série de referências históricas que variam de cenários políticos ao cotidiano da vida na Alemanha antes e depois da reunificação do país.

Hans Ticha é um dos mais importantes artistas contemporâneos da Alemanha e ele anda descrevendo o cotidiano e a história do país através do seu trabalho pelos últimos 50 anos. O ser humano é a figura central no trabalho desse artista e quase sempre aparece com suas mãos em um tamanho desproporcional e com pequenas cabeças sem face.

Hans Ticha é um dos mais importantes artistas contemporâneos da Alemanha e ele anda descrevendo o cotidiano e a história do país através do seu trabalho pelos últimos 50 anos. O ser humano é a figura central no trabalho desse artista e quase sempre aparece com suas mãos em um tamanho desproporcional e com pequenas cabeças sem face.

O lado irônico do trabalho artístico de Hans Ticha vem da forma com a qual ele retratou a o regime político da Alemanha Oriental. Durante os anos da Guerra Fria, o artista morou entre Leipzig e Berlim e conheceu de perto a realidade da Alemanha comunista. Com suas pinturas, ele apresenta uma narrativa de vida em um país dividido em diferentes ideologias.

O lado irônico do trabalho artístico de Hans Ticha vem da forma com a qual ele retratou a o regime político da Alemanha Oriental. Durante os anos da Guerra Fria, o artista morou entre Leipzig e Berlim e conheceu de perto a realidade da Alemanha comunista. Com suas pinturas, ele apresenta uma narrativa de vida em um país dividido em diferentes ideologias.

O lado irônico do trabalho artístico de Hans Ticha vem da forma com a qual ele retratou a o regime político da Alemanha Oriental. Durante os anos da Guerra Fria, o artista morou entre Leipzig e Berlim e conheceu de perto a realidade da Alemanha comunista. Com suas pinturas, ele apresenta uma narrativa de vida em um país dividido em diferentes ideologias.

Hans Ticha é um dos mais importantes artistas contemporâneos da Alemanha e ele anda descrevendo o cotidiano e a história do país através do seu trabalho pelos últimos 50 anos. O ser humano é a figura central no trabalho desse artista e quase sempre aparece com suas mãos em um tamanho desproporcional e com pequenas cabeças sem face.

Hans Ticha é um dos mais importantes artistas contemporâneos da Alemanha e ele anda descrevendo o cotidiano e a história do país através do seu trabalho pelos últimos 50 anos. O ser humano é a figura central no trabalho desse artista e quase sempre aparece com suas mãos em um tamanho desproporcional e com pequenas cabeças sem face.

Hans Ticha é um dos mais importantes artistas contemporâneos da Alemanha e ele anda descrevendo o cotidiano e a história do país através do seu trabalho pelos últimos 50 anos. O ser humano é a figura central no trabalho desse artista e quase sempre aparece com suas mãos em um tamanho desproporcional e com pequenas cabeças sem face.

Hans Ticha é um dos mais importantes artistas contemporâneos da Alemanha e ele anda descrevendo o cotidiano e a história do país através do seu trabalho pelos últimos 50 anos. O ser humano é a figura central no trabalho desse artista e quase sempre aparece com suas mãos em um tamanho desproporcional e com pequenas cabeças sem face.

Hans Ticha é um dos mais importantes artistas contemporâneos da Alemanha e ele anda descrevendo o cotidiano e a história do país através do seu trabalho pelos últimos 50 anos. O ser humano é a figura central no trabalho desse artista e quase sempre aparece com suas mãos em um tamanho desproporcional e com pequenas cabeças sem face.

Hans Ticha é um dos mais importantes artistas contemporâneos da Alemanha e ele anda descrevendo o cotidiano e a história do país através do seu trabalho pelos últimos 50 anos. O ser humano é a figura central no trabalho desse artista e quase sempre aparece com suas mãos em um tamanho desproporcional e com pequenas cabeças sem face.

Hans Ticha é um dos mais importantes artistas contemporâneos da Alemanha e ele anda descrevendo o cotidiano e a história do país através do seu trabalho pelos últimos 50 anos. O ser humano é a figura central no trabalho desse artista e quase sempre aparece com suas mãos em um tamanho desproporcional e com pequenas cabeças sem face.

Para saber mais sobre o trabalho desse artista alemão, você só precisa clicar no link abaixo.

Os Comentários Irônicos da Arte de Hans Ticha

Se você gostou do que viu aqui, você deveria seguir o blog no twitter ou seguir a revista digital do Pristina.org no Flipboard. Além disso, ainda temos nossa newsletter quase semanal.

Tagged: , , , , , , , , , ,